terça-feira, 20 de setembro de 2011

Na época da ditadura...


Na época da ditadura... 

* Podíamos acelerar os  nossos automóveis pelas auto-estradas, muito acima dos 120km/h, sem  haver nenhum risco...  e não éramos multados por  ser apanhados por radares maliciosamente escondidos, apenas...
...não podíamos falar mal do Presidente.

Podíamos comprar armas  e munições à vontade, pois o governo sabia quem era cidadão de bem, quem era bandido e quem era terrorista, apenas...
...não podíamos falar mal do Presidente.


* Podíamos dar piropos à  funcionária, à menina do "guiché", das contas a pagar ou à recepcionista,  sem correr o risco de sermos processados por "assédio sexual" apenas...
...não podíamos falar mal do Presidente.


* Não se usavam  eufemismos  hipócritas para fazer referências a raças (ei! preta boa!) , credos  (esses ratos de sacristia...!) ou preferências sexuais (pisga-te!minha bicha!) e não éramos acusados de  "discriminação" por  tal motivo, apenas...
... não podíamos falar mal do Presidente.
Podíamos tomar a nossa cerveja redentora  no fim do expediente do trabalho, para relaxar e conduzir o nosso  carro para casa, sem o risco de sermos atirados para a vala da  delinquência, sendo então presos...por estarmos  "alcoolizados",  apenas...
...não podíamos falar mal do Presidente.
Podíamos cortar a tal árvore do nosso quintal, que está desde à muito cheia de doenças, sem qualquer medo de que isso constituísse um crime  ambiental, apenas...
... não podíamos falar mal do Presidente.

Podíamos ir a um qualquer bar ou boite, num qualquer bairro da cidade, de carro, de autocarro, de metro,  de bicicleta ou a pé, sem qualquer medo de sermos vítimas de assaltos, sequestros ou assassinatos,  apenas...
...não podíamos falar mal do Presidente.
Hoje, a única coisa que podemos fazer....
...é falar mal dos presidentes, sejam eles políticos, dos partidos, de clubes desportivos, de sociedade financeiras, filantrópicas ou do Euromilhões!
O que é peciso é dizer-se mal... porque hoje estamos em democracia... diz-se por aí!... deve-se falar mal do presidente... apenas porque sim!
Mas que gande m****...!!!

NO MUNDO ASSIM...

NO MUNDO  ASSIM...
era bom viver nesta terra... bonita!