sábado, 15 de setembro de 2012

SONHAR CONTIGO, CIDADE...

 
Não sei onde fui buscar tal ideia, mas sonhei que andava a jogar à bola, juntamente com o Calita, o Rui Macareno, o Luis 'Bucha', os irmãos António e Alfredo Loureiro, o Franklim Rucha, e outros,  no primitivo Estádio Municipal de Leiria, uma infraestrutura em terra batida, com uns pilaretes em volta, uns cabos de aço a servir de vedação, uma lotação fabulosa, pois levava aqueles que quizessem ir ao Estádio, onde se treinava e jogavam grandes partidas dos Campeonatos Distritais entre o desaparecido Sporting Clube Leiriense, o velhinho Ateneu Desportivo de Leiria, o Futebol Clube Marrazes, o Vieirense, o Eléctrico, de Ponte de Sôr, o Marinhense, o Lisboa Marinha, o Coliponense, o Ginásio de Alcobaça... e outros que será irrelevante citar.



Que tardes de glória em jogos memoráveis vimos fazer ao nosso Ateneu, naquele tempo em que não havia no clube um Peyroteu ou um Matateu, um Arsénio ou um João Azevedo, mas tivemos o prazer de vêr jogar 'estrelas' como o Porém Luis - mais tarde um bom Árbitro de futebol -, o Portas, o Gato, o Chitas, o Marmelada e um fenomenal guardião de nome Montero, que era um protento à baliza. Mas tantos outros ví jogar no velho pelado, como o Tonito Pascoal ou o Horácio, por exemplo, que foram dos maiores jogadores que passaram pelo velhinho Futebol Clube Marrazes, de saudosa memória...
 
 
 
O ATENEU DESPORTIVO DE LEIRIA ascendeu à 1ª Divisão Distrital de Leiria na época 1953/54, e esteve activo futebolísticamente ao longo de 6 boas temporadas.  Atingiu a III Divisão Nacional em três ocasiões, graças aos lugares de topo que foi conseguindo nos distritais. Foi na época de  55-56 que logrou chegar à 2ª. fase da III Divisão, atrás do se rival de sempre Atlético Clube  Marinhense. Na época 56-57, veio a atingir a 1/2 final da III Divisão Nacional, sendo eliminado pelo Vila Real (1-1 e 0-4). Na época seguinte, 57-58,  obteve o  2º. lugar, perdendo o título na última jornada frente ao Ginásio de Alcobaça. Esta posição permitiu-lhe, na mesma época, participar também na III Divisão Nacional obtendo bons resultados. A rivalidade com o vizinho FC Marrazes  despertava imenso interesse nos derbies da cidade.
Outros tempos...

NO MUNDO ASSIM...

NO MUNDO  ASSIM...
era bom viver nesta terra... bonita!