sábado, 26 de outubro de 2013

A MEMÓRIA DAS COISAS

Quando era miúdo, aí por volta da minha 3ª. Classe na Escola de Santo Estevão, tive oportunidade de assistir a esta extraordinária corrida de bicicletas motorizadas, onde participaram  muitas 'máquinas' de grande qualidade competitiva,  podendo-se apreciar as 'Alma', as  'Cucciolo', as  'Pirotta', as 'Ardito', as 'Alpino' e  algumas outras... mas as bicicletas motorizadas 'Cucciolo' conseguiram  dominar a corrida do princípio ao fim.
 
Não esqueci nunca esta corrida a que assisti, sentado no Café Colonial, pois está provado que as pessoas de Leiria também seguiam a modernidade... mesmo que não fosse, de todo, o tipo de acontecimento que a cidade mais apreciava, além de que se faziam as coisas, tinham êxito no que faziam... mas eram para arrumar na prateleira dos eventos passados.
Bastará recordar o que aconteceu com a Praça de Touros... com o Coreto do Jardim... com o Teatro Dona Maria Pia... e tantas outras coisas que foram arrumadas na mala do tempo,  para que  não se  desse cabo da memória das mesmas.
Mas... felizmente ainda vai havendo memória .

NO MUNDO ASSIM...

NO MUNDO  ASSIM...
era bom viver nesta terra... bonita!